Suspeito de liderar associação criminosa de furtos em produções de café é preso em Elói Mendes (MG)

0
450

Um homem suspeito de liderar associação criminosa de furto de café e máquinas agrícolas foi preso nessa terça-feira (15) em Elói Mendes (MG). Mandado de prisão preventiva e outros quatro de busca e apreensão foram cumpridos pelas polícias Civil e Militar durante operação denominada “Deméter”.

De acordo com o delegado Jorge Bruno Barbosa da Silva, da Polícia Civil de Elói Mendes, todos os mandados foram cumpridos no bairro São Cristóvão. Com isso, além de materiais recuperados durante a ação, o suspeito de 31 anos foi detido.

O furto, segundo o delegado, ocorreu na madrugada da última sexta-feira (11) na zona rural da cidade, em uma fazenda próxima ao Rio Verde e a um condomínio. Jorge destacou que, na ocasião, os membros da associação criminosa arrombaram portas que davam acesso à fazenda, o que qualifica o crime e aumenta a pena.

No mesmo dia, horas depois do crime, policiais civis e militares recuperaram oito sacas de café, um micro-ondas, uma motosserra, uma bateria de trator, além de diversos outros maquinários agrícolas.

Já nesta terça-feira, além do suspeito de liderar a associação criminosa, foram recuperados dois itens que haviam sido furtados na sexta-feira e que ainda não haviam sido localizados: um freezer e um som automotivo. Os objetos estavam escondidos em uma das casas do homem preso preventivamente.

O delegado explicou que os suspeitos, após realizar furtos, levava os materiais para um cafezal próximo ao bairro São Cristóvão, onde as sacas de café e demais materiais ficavam escondidos até terem uma destinação.

cafe policia 02
Polícias civil e militar prenderam suspeito de liderar associação criminosa de furtos de produções de café em Elói Mendes (MG) — Foto: Divulgação/Polícia Civil

O mandado de prisão preventiva que acabou na prisão do suspeito de 31 anos foi expedido pela Juíza da Comarca de Elói Mendes, Adriana Calado Paulino, após representação da Polícia Civil ao Poder Judiciário. Ele foi encaminhado ao Presídio de Elói Mendes. Segundo a Polícia Civil, as investigações continuam para tentar localizar os outros suspeitos.

Participaram da operação, além dos policiais civis de Elói Mendes, sob a coordenação do delegado Jorge Bruno Barbosa da Silva, policiais militares das cidades de Elói Mendes e Varginha, coordenados pelo Tenente Raul Gouvêa Jr.

A operação foi denominada “Deméter”, pois, na mitologia grega, Deméter é a deusa da agricultura.

Fonte: EPTV e G1 Sul de Minas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui