Imagens mostram policiais militares agredindo jovem durante abordagem em Três Corações, MG

0
630
Polícia Militar de Três Corações informou que, referente ao suposto vídeo, já foi instaurado inquérito policial militar para elucidar os fatos e, posteriormente, envio à Justiça Militar

Imagens postadas em redes sociais mostram policiais militares agredindo um jovem de 19 anos durante uma ocorrência na quarta-feira (9) em Três Corações (MG). O fato teria acontecido antes dos militares encaminharem o jovem para a delegacia.

No vídeo o rapaz está sentado no chão e um dos policiais dá tapas na cabeça dele. Em seguida, o jovem é empurrado ao chão e fica deitado.

O boletim de ocorrência diz que a polícia realizava uma operação por conta de denúncias de disparos de arma de fogo no bairro Nova Três Corações. No documento está escrito que a equipe deu ordem de parada ao motociclista que não obedeceu.

Durante a fuga, a moto teria derrapado e batido contra a viatura policial. O policial prendeu o autor que portava um cigarro parecido com maconha. O jovem alegou que fugiu porque estava com medo de ter a moto apreendida e assumiu fumar maconha. Ele foi preso pelo crime de direção perigosa e por posse de substância entorpecente.

O rapaz, que trabalha como motoboy, deu sua versão dos fatos. Ele disse que durante uma entrega no bairro ouviu tiros e resolveu voltar quando teve a moto atingida pelo carro da polícia.

Em um vídeo ele mostra que teve o material de trabalho danificado. O advogado do jovem deu a versão dele sobre os fatos.

“Ele tentava falar com os policiais, tentava um diálogo, mas a todo momento ele era agredido. Os fatos constantes no vídeo vão ser levados a conhecimento do Ministério Público, vai ser realizado um boletim de ocorrência para que as medidas legais sejam tomadas daqui para frente. E o que a família espera nesse momento, além de justiça, é que a Polícia Militar, mais especifico do batalhão de Três Corações, dê o esclarecimento sobre o que aconteceu”, destacou Josimar Lima Silva.

Ainda segundo o advogado de defesa da vítima, o rapaz é menor aprendiz, está com o contrato suspenso e, atualmente, trabalha como motoboy. Ele disse ainda que o cliente não estava com drogas e que ele sofreu uma pequena fratura no punho esquerdo durante a abordagem.

A Polícia Militar de Três Corações informou que, referente ao suposto vídeo, já foi instaurado inquérito policial militar para elucidar os fatos e, posteriormente, envio à Justiça Militar.

Fonte: G1 Sul de Minas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui